As grandes mudanças da DC COMICS através dos tempos…

dc comicsA cada ano novo, renovamos as promessas de estar em constante mudança, buscando sempre alterar as coisas para melhor. Para o bem ou para o mal, é inevitável… a mudança sempre vem… em um eterno ciclo, mantendo o mundo à nossa volta funcionando. Vamos celebrar as mudanças… e mudar aquilo que acreditamos que precisa ser mudado…

S_Final

Por Rodrigo Garrit

Shiva, na qualidade de Nata-Rája ou “Senhor da Dança”, cria perpetuamente, com o seu dançar, os ritmos do universo – os ciclos de criação (sarga) e destruição (pralaya).  Shiva é o mestre tecelão do espaço e do tempo. É com o som do damaru (espécie de tambor) que Shiva marca o ritmo do universo e o compasso de sua dança. As vezes, ele deixa de tocar por um instante, para ajustar o som do tambor ou para achar um ritmo melhor e, então, todo o universo se desfaz e só reaparece quando a música recomeça.

superman

…então veio a mudança, e Jerry Siegel  e Joe Shuster criaram o Superman. Defensor dos fracos e oprimidos, ele venceu a guerra e as injustiças. Conheceu outros como ele, e juntos se tornaram uma “Sociedade” de amigos, com roupas coloridas e superpoderes: Flash, o corredor com capacete em homenagem ao deus grego da velocidade, Lanterna Verde com seu anel de poder mágico, Mulher Maravilha, a princesa feminista e o sombrio Batman, além de vários outros. Juntos eles salvaram gatos presos em árvores, donzelas indefesas e venceram o mal.

capullobatman

…então veio a mudança, e depois de anos de esquecimento, o Flash ressurgiu, com mesmo nome, mas com novo traje sendo usado por um novo corredor. Logo, fomos apresentados a outro Lanterna Verde também, mas o seu anel não era mágico; era fruto de uma tecnologia alienígena superior e havia uma tropa de lanternas. Vinda de uma ilha de guerreiras amazonas, a Mulher Maravilha aportou no mundo do patriarcado. E também o sombrio Batman, entre outros. Juntos eles formaram uma “Liga” de amigos, com trajes coloridos de batalha, derrubaram invasões alienígenas, vampiros cósmicos e feiticeiros do mal.

wonder-woman1a

…então veio a mudança, e os heróis da Sociedade e  Liga da Justiça, que descobriu-se, viviam em Terras diferentes, enfim se encontraram e forjaram uma poderosa aliança. Enquanto em uma Terra, alguns já eram mais velhos, casados e pais de outros jovens heróis, em outra viámos apenas seus jovens pupilos aprendendo a arte de ser um herói. Então criaram-se novas associações: Corporações, Patrulhas, Legiões, Renegados e Titãs uniram-se à Liga e a Sociedade na luta contra o mal. Sempre com o mesmo intuito de justiça.

earth2_cv2-600-cropped

…então veio a mudança, e na aurora dos tempos, o início do universo, onde o acesso é proibido, Krona  quebrou as regras e contemplou a mão do destruidor, que liberou o grande mal. Os habitantes do planeta Maltus, conterrâneos de Krona, sentiram-se culpados, e para se redimir criaram os Caçadores Cósmicos, androides que patrulhavam o universo com o objetivo programado de desfazer o caos. Os habitantes imortais de Maltus se autoproclamaram “Guardiões do Universo”, e se transferiram para o planeta OA, de onde dividiram o cosmos em setores… mas quando tudo deu errado, ninguém escapou dos Caçadores, da morte e destruição. “É preciso destruir o caos, mas a vida é caos, logo é preciso acabar com a vida”. O setor 666 foi devastado antes que os androides fossem contidos. Os Guardiões decidiram fazer um experimento com seres vivos, coletaram as energias do espectro emocional, separaram a magia e a baniram, forjada em um Coração Estelar. Escolheram a força de vontade para moldar soldados sem medo que dessem suas vida pelo bem maior, e esconderam as outras cores do espectro. O Primeiro Lanterna tornou-se perigoso demais e foi aprisionado. Os sobreviventes do setor 666 proliferaram uma profecia como vingança contra os Guardiões. A Noite mais Densa viria.

21726_900x1350_thumb-500x268

…então veio a mudança, e do ventre da aurora dos tempos um multiverso nascia, já sob a ameaça da Grande Crise. E nas luas de OA, dois seres surgiam, duas forças iguais e opostas, o bem e o mal. Matéria e Antimatéria. Monitor e Antimonitor. E na aurora dos tempos, foi a mão dele que Krona, o guardião renegado, viu ao quebrar as regras, a mão do Antimonitor, esmagando as possibilidades, até ser contrariado pela vida que insistia em existir. Houve a mais terrível das Crises nas infinitas Terras. O Supeman da Terra 2 e o Superboy Primordial travaram a batalha no limite da existência. Era a história sendo reescrita.

joker

…então veio a mudança, e com o futuro sendo apagado pela entidade do medo há tempos reprimida pelos Guardiões do Universo, e agora possuindo o maior dos Lanternas Verdes, Parallax conduzindo uma Zero Hora, do fim à  aurora do tempos, mesclando a alquimia quântica do que “poderia ser” e do que “será”. Através das vertentes do tempo e suas infinitas tangentes, um autoproclamado Monarca subiria ao poder, trazendo o Armageddom. E o filho de uma semi-deusa com um humano, percorreria outra linha da possibilidade, tornando-se um Lorde do Caos, contra quem uma tropa de titãs se levantou.  E no futuro, um Legião de jovens super-heróis enfrentaria a própria encarnação da entropia na figura de um Senhor do Tempo. Ninguém explorou mais suas possibilidades temporais do que essa Legião.

…então veio a mudança, e os sobreviventes de uma realidade alterada, Supermen, o bom e o primordial, Alexander Luthor, e novas Terras sendo moldadas, 52 novas possibilidades… novas costuras no tecido frágil da realidade. Um tecido prestes a se romper sob a tensão do que parecia ser uma Crise infinita…

krona-is-evil-because-he-loves-relaunches

…então veio a mudança, e o mal venceu.  Darkseid de Apokolips trava sua batalha final com seu filho Órion, conforme previram as profecias. Com um tiro certeiro ele o alvejou , um tiro com uma bala conceitual, uma bala disparada no início dos tempos, uma bala que não deu a ele chance de fuga. Vitorioso mas enfraquecido, Darkseid renasceu na Terra, promovendo a Antivida em meio a crise dos Monitores do Multiverso, onde Mandrakke, o vampiro cósmico, se pôs a absorver e perverter toda fagulha de energia vital já criada, muito embora nessa Crise Final, os Supermen de todas as Terras, imaginados de todas as formas, tenha impedido que o vampiro concretizasse seus planos. E o sombrio Batman atirou a bala deotóxica no novo deus de uma Terra condenada, salva apenas pelo canto de um Superman na Máquina dos Milagres.

…então veio a mudança. Um ponto de ignição, onde  o espaço e o tempo foram alterados por um velocista maligno, obrigando sua versão reversa a correr na direção contrária na tentativa desesperada de mudar as coisas.

E então, a mudança… Os Novos 52…

E então…

443594

S_Final

O Santuário deseja a todos os leitores um 2014 repleto de grandes mudanças… sempre para melhor!

Feliz ano novo!

9 comentários sobre “As grandes mudanças da DC COMICS através dos tempos…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s